CPI da Fake News enviará à PF números que dispararam mensagens mentirosas nas eleições

A CPI poderá ainda pedir a quebra de sigilo desses números

Desdobramento da CPI da Fake News, na Câmara dos Deputados, promete esquentar a volta do recesso legislativo na Casa. A relatora da CPI, deputada federal Lídice da Mata, do PSB da Bahia, afirma que a comissão vai encaminhar 24 números suspeitos para perícia da Polícia Federal. Os números telefônicos são apontados como maiores disparadores de mensagens irregulares de WhatsApp nas eleições de 2018. 

A CPI poderá ainda pedir a quebra de sigilo desses números para saber o conteúdo das mensagens enviadas e trocadas com outros números telefônicos. Além disso, com a quebra do sigilo, também será possível chegar aos autores dos disparos. 

Autor: Rita Motta

Jornalista, especialista em marketing digital, fotógrafa e professora na área de comunicação MTB: 22.736/SP

Compartilhar essa notícia em
468 ad