Saúde já imunizou mais de 56 mil pessoas contra gripe em Araraquara

Campanha nacional vai até 5 de junho; terceira e última fase começou esta semana

Araraquara já contabiliza 56.207 pessoas imunizadas contra a gripe desde 23 de março, quando teve início a campanha nacional de vacinação. Nessa segunda-feira (18) começou a terceira e última etapa da ação, que tem como foco professores das escolas públicas e privadas e adultos de 55 a 59 anos de idade. A vacinação segue até 5 de junho. 

A vacina contra gripe também é voltada a idosos com 60 anos ou mais, trabalhadores da saúde, membros das forças de segurança e salvamento, pessoas com doenças crônicas, caminhoneiros, profissionais de transporte coletivo (motoristas e cobradores), portuários, povos indígenas, funcionários do sistema prisional, pessoas com deficiência, crianças de 6 meses a menores de 6 anos, gestantes e mães no pós-parto até 45 dias.


As doses estão disponíveis em todos os postos de saúde e no Sesa (Serviço Especial de Saúde de Araraquara), de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h. As unidades de atendimento foram organizadas com espaços externos (com cobertura tipo tenda), respeitando o espaçamento seguro de pelo menos 1 metro entre cada pessoa, a fim de evitar aglomerações. A recomendação é que todos usem máscara, respeitem a distância de segurança e, se possível, levem a caderneta de vacinação.

Segundo a Secretaria Municipal da Saúde, entre os grupos prioritários definidos pelo Ministério da Saúde já foram imunizados 29.319 idosos, 9.656 pessoas com doenças crônicas, 8.997 trabalhadores da saúde, 2.696 crianças menores de 6 anos, 2.025 adultos entre 55 e 59 anos, 483 gestantes e 94 puérperas.

Embora a vacina não proteja contra o coronavírus, ela reduz a circulação da gripe entre a população, bem como complicações e óbitos, especialmente nos indivíduos que apresentam fatores ou condições de risco, auxilia os profissionais de saúde na exclusão do diagnóstico para Covid-19 – já que os sintomas são parecidos – e ajuda a reduzir a procura pelos serviços de saúde. A vacina protege contra os vírus H1N1, H3N2 e Influenza B.

Autor: Rita Motta

Jornalista, especialista em marketing digital, fotógrafa e professora na área de comunicação MTB: 22.736/SP

Compartilhar essa notícia em
468 ad