Guerreiras grenás iniciam busca pelo tri neste sábado

Duelo da líder do ranking da CBF com Audax, às 17h, na Arena, com entrada gratuita, vale 1k de alimento como ingresso solidário

Primeira colocada no ranking da CBF no futebol feminino nacional, a Ferroviária começa neste sábado (8), às 17h, na Arena da Fonte Luminosa, contra o Audax, a busca pelo tricampeonato brasileiro da Serie A1, em que foi campeã em 2019 e 2014.
Para esse duelo e em todos na Arena em 2020, incluindo o Campeonato Paulista, a torcida terá entrada de graça, mas pode participar do ingresso solidário doando um quilo de alimento não perecível.

Toda arrecadação de alimentos dos jogos das Guerreiras Grenás em casa será destinada ao Fundo Social de Solidariedade para ser posteriormente repassada a pessoas ou famílias em situação de vulnerabilidade econômica no município.
A diretoria da Ferroviária informa que para esse jogo com o Audax o portão da Arena da Fonte será aberto às 16h e somente os setores 1 (ferrão de entrada) e o 4 (abaixo das cabines de imprensa) estarão disponíveis, com entrada pelo portão principal.

Vale destacar que neste ano a busca pelo tri feminino fará a Locomotiva percorrer uma grande distância na primeira fase do Brasileiro. Segundo o site grená, serão percorridos aproximadamente 6,4 mil quilômetros no total, considerando as viagens de ida e volta.

A maior distância será percorrida já na segunda rodada, contra o Minas Icesp-DF, na quarta-feira (12), às 19h. Entre ida e volta até a cidade de Gama, no Distrito Federal, a distância é de 1.542 quilômetros.
1ª no ranking

Também vale ressaltar que as Guerreiras grenás, agora comandadas por Tatiele Silveira, estão na liderança do ranking nacional de clubes da CBF 2020, conforme divulgou a entidade máxima do futebol brasileiro em seu site, na última terça-feira, dia 4.

Após o título Brasileiro de 2019, a Ferroviária subiu três posições em comparação com ranking do ano anterior, pulando da 4ª colocação para o 1º lugar, com 9.936 pontos, e 136 pontos de diferença para o Flamengo, 2º colocado.

O Campeonato Brasileiro Feminino deste ano será disputado por 16 equipes.

Autor: Rita Motta

Jornalista, especialista em marketing digital, fotógrafa e professora na área de comunicação MTB: 22.736/SP

Compartilhar essa notícia em
468 ad

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *