Irmãs apostam na moda e criam fidelidade com suas clientes

As irmãs Nena e Sofia felizes por realizarem o sonho de serem empreendedoras

As irmãs Nena e Sofia felizes por realizarem o sonho de serem empreendedoras

O conceito de moda e tendências tem, cada vez mais, se popularizado em todo o Brasil. Em novas lojas, galerias e restaurantes diferentes e com alto teor autoral, pessoas que têm talento em determinada área resolvem fazer dele o seu ganha-pão. Em busca de liberdade e empreendedorismo, muitos profissionais deixam o mercado tradicional, empreendem e moldam, pouco a pouco, a estrutura do consumo pelas cidades do país.

Ponto de Vista Urbano falou com duas empreendedoras que resolveram montar sua loja com produtos voltados exclusivamente para suas clientes, afinal foram anos atuando no comércio de Araraquara e hoje promovem essas mudanças na moda araraquarense. Em comum, a origem – lojas de roupas – e a vontade de criar e ter seu negócio. Tudo isso agregado principalmente a três conceitos: Economia criativa, economia regional e consumo consciente.

Nena Ortiz Florenciano

Nena Ortiz Florenciano

Estes pontos são elencados logo no início da fala de Nena Ortiz Florenciano, uma das proprietárias da loja Monalisa Concept, que vende roupas no varejo. Ao longo dos anos, atuando no comércio, ela viu a identidade do negócio se fortalecer nessa área e resolveu levantar a bandeira. Agora, aposta em parcerias com marcas de peso no mercado da moda, além de se preocupar em atender seus clientes de modo diferenciado.

Para ela, tudo começa no conceito de consumo consciente. “As pessoas perguntam: ‘Nossa, mas você vende roupa e está falando de consumo consciente, como assim?’”, conta ela. “Eu não quero deixar de vender, eu quero que as pessoas comprem sabendo o que estão comprando, de onde vem essa roupa, sabendo que ela é produto da melhor qualidade.”

“O que eu quero mostrar pro cliente é que ele comprando no comércio local, ele ganha, a cidade ganha e de uma forma ou outra, volta pro cliente”, explica a Nena.

A concorrência com a China e outras lojas maiores é um grande desafio, principalmente pelo volume da produção e dos preços, mas, como aponta o Sofia Ortiz Florenciano Rocha, a irmã e sócia de Nena na Monalisa Concept, a própria identidade da economia criativa oferece as ferramentas para lidar com a situação. “É o que nós chamamos de culturalização da economia: Você vender uma bela peça, em qualquer lugar do mundo, é igual. Ou você pode fazer com que seu produto seja belo e tenha uma ótima qualidade”, exemplifica.

Sofia Ortiz Florenciano Rocha

Sofia Ortiz Florenciano Rocha

“O empreendedor se apropria de valores locais, tornando assim o produto diferenciado. Ele não vai competir de igual para igual com uma rede em que se compra em quantidade, pontua. “É uma competição por qualidade e diferenciação, e não por preço. Ele comunica, através desse produto, um conceito, um valor”, destaca Sofia.

Defendendo esses princípios as irmãs Nena e Sofia estão há quase um ano com sua loja de roupas, a Monalisa Concept e com uma clientela fiel. Finalizam dizendo que todas os dias recebem visitas de amigas e clientes que sabem onde encontrar aquele look tão desejado ou que é tendência certa para a estação. “Estamos esperando vocês, apareçam!!!”

Serviço:

Monalisa Concept

R. Carlos Gomes, 2454 – Vila Yamada

Araraquara – SP

Fone: (16) 99622-7434

Autor: Rita Motta

Jornalista, especialista em marketing digital, fotógrafa e professora na área de comunicação MTB: 22.736/SP

Compartilhar essa notícia em
468 ad

8 Comentários

    • Obrigada Sônia

      Responder
  1. Nena e Sofia parabéns sucesso …bjs Thais Laura e Chester

    Responder
    • Obrigada pelo carinho lindona

      Responder
  2. Parabéns, sucesso

    Responder
    • Obrigada,😘

      Responder
    • Gracias primita 😘

      Responder

Deixe seu comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *